26 November 2014

Shop Update :: Scrap Bags


A minha loja finalmente deixou de estar vazia! Tenho imensos retalhos e sei que nunca terei oportunidade de pô-los todos a uso, por isso resolvi partilhá-los convosco. Fiz 23 conjuntos diferentes e pu-los à venda aqui

My shop isn't empty any more! I've put together 23 different scrap bags for you to play with. I love working with scraps but there's no way I'll ever have time to put them all to good use... so I thought I'd share them with you! They weigh 200 g (7 oz) each and they're listed right here.

(photo: © Constança Cabral)

25 November 2014

Acertar Triangles :: Trimming Triangles


Há quatro meses comecei a fazer um quilt de triângulos rectângulos.

Aproveitei quadrados que me sobraram dos quilt kits. Juntei-os dois a dois (direito com direito), tracei a diagonal e cosi duas linhas paralelas, ambas a 1/4 de polegada da dita diagonal. Cortei-os ao meio pela diagonal, engomei-os e fiquei com mais de 400 triângulos rectângulos.

E depois li numa série de blogs que tinha de acertar os ditos triângulos. E a minha mãe confirmou. É verdade que eles ficaram um bocado distorcidos depois de terem sido cosidos e engomados (tem a ver com o facto de as costuras serem cosidas no viés nos tecidos).

Mas esta história de acertá-los está a demorar taaanto tempo. Estou aborrecida. E algo desencorajada.

Enfim. Vou respirar fundo e acertar mais uns triângulos. Vai valer a pena! 


Four months ago I started making a half-square triangle quilt.

I took the leftover squares from my quilt kits, paired them right sides together, traced the diagonal and stitched two parallel lines, each 1/4'' from that diagonal. I cut them in half following the diagonal, pressed them and ended up with over 400 half-square triangles.

And then I read on several blogs that I should square up those triangles. And my mother confirmed it. It's true that they end up a bit crooked after all that sewing and pressing (it has to do with the fact that the fabrics are sewed on the bias).

But this trimming business is taking so looong. I'm feeling bored. And a bit discouraged.

Oh well. I'll just take a deep breath and trim some more. It'll be worth it in the end!

(photo: © Constança Cabral)

21 November 2014

Arranjos de Flores em Garrafas :: Arranging Flowers in Bottles










Uma das maneiras mais fáceis e eficazes de fazer arranjos florais é simplesmente colocar flores dentro de garrafas de vidro. Também funciona com folhas. Acho que o truque é a repetição de motivos iguais, complementares ou contrastantes — por exemplo, eu normalmente agrupo muitas flores exactamente iguais, ou então diferentes variedades da mesma flor, ou ainda dois ou três tipos de flores e folhas diferentes, mas que se complementem em cor ou em forma.

As próprias garrafas podem ser iguais ou diferentes, e não têm de ser nada de especial: eu uso garrafas de leite, de água e de sumo, um ou outro frasco de conserva e material de laboratório. 

São sempre arranjos baratos porque acabamos por usar muito poucas flores. São elegantes porque há bastante espaço negativo para as flores respirarem. E são infalíveis porque, apesar de não terem ciência nenhuma, resultam sempre. Experimentem!


One of the easiest, most effective ways of arranging flowers is simply placing them inside glass bottles. It also works with foliage. I guess it works because of the repetition of similar, complementary or contrasting patterns — for example, I usually group either flowers that look exactly the same, or different varieties of the same species, or two or three different types of flowers and leaves that will complement each other. 

The bottles don't have to be anything fancy: I use milk, water and juice bottles, as well as lab containers and the occasional preserving jar.

This type of arrangement is cheap because you'll end up using a limited amount of flowers. It's also quite elegant due to all the negative space that allows the flowers to breath. And it's completely foolproof. Give it a try!

(photos: © Constança Cabral)

18 November 2014

O Rodrigo nos Bastidores :: Rodrigo Behind the Scenes



devorando o meu styling de compotas e geleias
devouring my carefully styled spread of jams and preserving equipment

usando a touca de banho (e a minha escova de dentes!!)
wearing the shower cap (and using my toothbrush!!)


a dar cabo da minha fotografia dos biscoitos de canela (e a comê-los, pois claro)
messing up my cinnamon biscuits photo (and eating the biscuits, of course)

dentro do armário do enxoval, sentado mesmo em cima das prateleiras que estávamos a colocar
inside the linen cupboard, sitting right on top of the shelves we were trying to put in place

antes de ter atacado os ramos de Natal
right before he attacked the Christmas branches

em cima da cabeceira de cama que eu estava a forrar
on top of the bed headboard I was upholestering

"ajudando" a minha mãe a forrar um livro, enquanto eu tirava fotografias passo-a-passo
"helping" my mother cover a book while I was taking step-by-step photos

dentro da caixa de madeira que transformei em caixa para lenha, quando eu estava a tentar fotografar o "antes"
playing inside the wooden box that ended up being used for storing firewood, while I was trying to photograph the "before"

posando ao lado da Diana, que estava a ser fotografada com o fio de búzio
posing alongside Diana, who was being photographed wearing the conch necklace

revendo provas do livro
proofreading

Que grande ajudante que eu tive durante o processo de fazer o livro! Este pequeno photobomber foi um verdadeiro desafio... Tentei trabalhar no livro enquanto o Rodrigo estava na escola, mas houve muitas ocasiões em que precisei da ajuda do Tiago e tivemos de trabalhar ao fim-de-semana. Aproveitávamos a hora da sesta, claro, mas invariavelmente o Rodrigo acordava quando ainda estávamos a meio da sessão fotográfica e corria, comia, pisava e atacava tudo aquilo que estávamos a fotografar.

O mais difícil foi mesmo aquela temporada em Lisboa, em que não houve nem escola nem Tiago. A minha mãe ajudou-me bastante, é certo, mas os meus dias foram uma verdadeira correria. Lembro-me de um dia em que levei o Rodrigo a casa da minha mãe de manhã, fui corri três sapateiros à procura de alguém que me colocasse as molas na manta de picnic, voltei a casa da minha mãe para dar almoço ao Rodrigo e pô-lo a fazer a sesta, meti-me no carro e fui até ao Meco fotografar a dita manta, as almofadas de praia e um kaftan (que acabou por não ser incluído no livro). Na praia estava uma ventania tal que as almofadas voaram quase até ao mar — eu parecia uma tonta a a correr atrás delas e tentar fotógrafa-las em todos os ângulos possíveis e imaginários. Depois fui ao pinhal, fotografei a manta, quando me meti no carro começou a chover (uma sorte não ter chovido antes!) e guiei até Lisboa para dar banho, jantar e cama. Uf! Foram umas belas férias...

Mas agora tem muita graça ver estas fotografias. Pensando bem, o Rodrigo merece estar na capa do livro... afinal, fartou-se de participar!

PS. O "Mãos à Obra!" continua a chegar a muitas casas e tenho adorar receber fotografias daquilo que vocês têm feito a partir do livro. Podem vê-las sob o hashtag #livromaosaobra no Instagram e nesta pasta no meu Pinterest. Se quiserem ler opiniões sobre o livro, espreitem os posts da Leonor do blog Home Sweet Home, da Margarida do Pano Pra Mangas e da Margarida do Ei! Kumpel.


What a great helper I had during the process of making the book! This tiny photobomber was a challenge indeed... I tried to work on the book during the hours that Rodrigo was at preschool but I also ended up working on weekends whenever I needed Tiago's help. We made the most of nap time but invariably Rodrigo would wake up while we were in the middle of a photoshoot and he'd start jumping, grabbing, eating and attacking everything that was at his hand's reach.

The most difficult time was those 2 months I spent in Lisbon last year, mainly because he didn't go to school and Tiago wasn't around. My mother helped me out quite a lot but my days were just so crazy. I remember one particular day when I left Rodrigo at my mother's in the morning, I went to three cobblers in search of someone who would apply some heavy-duty snaps on my picnic blanket, then went back to my mother's to feed Rodrigo his lunch and put him down for his nap and then drove to Meco (a beach 40 minutes from Lisbon) in order to photograph that same picnic blanket, the beach pillows and a kaftan (which ended up not being included in the book). It was so windy at the beach that the pillows nearly ended up in the sea — you should have seen me chasing them like a mad woman and trying to photograph them from every possible angle. Then I drove to the nearby pinewood and shot the picnic blanket. The minute I got back in the car it started raining (can you believe my luck?) and I drove back to Lisbon just in time for bath, dinner and bedtime. Uff! Talk about relaxing holidays in my hometown...

But now it's so funny to look at these pictures. Rodrigo made the cover of the book and he does deserve it... I mean, he really took part in the making of the book!

 (photos: 1- © Diana Basto Ferreira, 2-12- © Constança Cabral)

14 November 2014

Por Aqui :: Around Here













Por aqui aproveitamos os dias em que não chove para ir apanhar ar. Eu apanho muitas flores e espalho-as pela casa. Vou cosendo aos bocadinhos. Olho para o Pedro, cada vez mais crescido, e fico com tanta pena de não poder partilhá-lo com a família e com os amigos. Maravilho-me com o Rodrigo (e tento respirar fundo quando ele faz birras). Tento executar as dezenas de ideias que tenho cá para casa. Arrumo os tecidos e ponho à venda todos aqueles que não me vejo a usar nos próximos tempos. Conheço gente nova e fazemos planos para umas noites de costura. Sinto-me cheia de sorte. Tenho saudades. Faço contas. Planeio novas aventuras. Apercebo-me de que falta pouco tempo para Dezembro, mas aqui não cheira a Natal. Fico toda contente quando vocês me escrevem a dizer que o meu livro vos inspirou a lançar mãos à obra. Tenho saudades. Tenho saudades. A vida aqui é boa. Mas tenho tantas saudades.

Around here we make the most of the days when it doesn't rain. I pick lots of flowers and spread them around the house. I sew a little at a time. I look at Pedro and feel sad that I can't share him with friends and family. I marvel at Rodrigo (and take deep breaths whenever he throws yet another tantrum). I try to execute some of the dozens of ideas that I keep having for our space. I tidy up the fabric stash and sell everything that doesn't resonate with me any more. I meet new people and we make plans for a few sewing evenings. I feel so lucky. I long for home. I crunch some numbers. I plan new ventures. I realise December is coming soon but I don't feel the thrill of Christmas. I get so happy whenever you write to me to say that my book has inspired you. I miss so many things. Life around here is good. But I long for so much.

(photos© Constança Cabral)

10 November 2014

Pijamas a Condizer para Um Rapaz e o Seu Boneco :: Matching Pyjamas for a Boy and His Doll









Como todas as crianças, o Rodrigo está sempre a precisar de roupa nova. Calças de pijama valem mesmo a pena fazer em casa — casacos de pijama dão uma trabalheira e prefiro comprar-lhe t-shirts brancas de mangas compridas, mas fazer calças é rápido e barato. Mais uma vez, usei o molde Bedtime Story Pajamas da marca Oliver&S: o corte das calças é impecável, têm poucas costuras e ficam com um ar bastante profissional (acho que é o meu sétimo par).

O Rodrigo andava a pedir-me há que tempos para fazer roupa para o boneco Manel e, depois de uma série de fraldas às cores (hei-de mostrá-las aqui num dia destes), lembrei-me de lhe fazer um pijama a condizer. A Marta tinha-me mandado este link para calças e camisolas/vestidos de bonecas Waldorf e achei que seria ideal para transformar em pijama. O Manel tem 38 cm e retirei 1 cm ao comprimento das calças, bem como 1,5 cm ao molde da camisola (visto que o molde é para usar com o tecido dobrado, a camisola ficou com menos 3 cm de largura do que a original).

Nem imaginam como me diverti a fazer roupa para o boneco! Próximas peças: um par de jeans e uma camisola às riscas.


Just like every child, Rodrigo is in constant need of new clothes. Some of the things I find really worthwhile to make at home are pyjama bottoms — pj tops are too much work and I'd rather buy  him lots of long sleeve, white t-shirts, but the bottoms are quick and cheap to sew. Once again I used the Bedtime Story Pajamas pattern by Oliver + S: the cut is great, there aren't too many seams and they look quite professional (I think this is my 7th pair).

Rodrigo has been asking me to make his doll Manel some clothes and after a number of nappies in every colour of the rainbow (one day I'll show them here), I thought I'd make him matching pjs. Marta had sent me this link for Waldorf dolls trousers and tops/dresses and they were the perfect starting point for making pjs. Manuel is 38 cm so I shortened the trousers by 1 cm and took out 1,5 cm to the width of the top pattern (because the pattern is placed on the fold, the top turned out 3 cm less wide than the original one).

You can't tell you how much fun I had sewing up these doll clothes! Next on my list: a pair of jeans and a stripey top.

(photos© Constança Cabral)

07 November 2014

12 Podcasts de que Gosto Muito :: 12 Podcasts I Love


[actualização deste post]

Continuo a gostar imenso de ouvir podcasts. Acho fascinante ficar a conhecer o percurso de vida de tantas pessoas com interesses semelhantes aos meus, bem como o de outras completamente diferentes de mim. Divirto-me, aprendo imenso, reflicto sobre as minhas escolhas, penso no meu futuro, enfim. Eis a lista daquilo que tenho ouvido nos últimos tempos:

O programa de rádio da Grace Bonney, a fundadora do famosíssimo blog Design*Sponge. Um podcast muito indie, muito actual e muito norte-americano.

Sou fã acérrima da Abby Glassenberg porque acho que ela tem uma das vozes mais inteligentes e críticas da blogosfera crafty. Tenho gostado imenso da variedade de convidados e as listas de recomendações são sempre interessantes. 

O blog da Elise é um dos meus preferidos. O podcast tem graça mas sabem de que é que gostei mesmo? Do discurso dela no World Domination Summit.

Este podcast é muito americano. Os convidados são bastante heterogéneos e não me identifico com tudo o que lá ouço, mas não deixa de ser um bom programa.

Acho muito interessante ouvir como os pequenos negócios criativos começaram e se desenvolveram. Recomendo o episódio com a Jenny Hart e o com a Abby Glassenberg.

Este é um podcast muito actual sobre a corrente mais moderna da indústria de quilting americana. Entrevistas com designers de tecidos, autoras de livros, bloggers e por aí fora.

Este parece-me um podcast mais old-school, mais institucional, mas vale a pena, especialmente quando reconhecemos os nomes dos entrevistados.

Um programa de rádio da BBC em que ideia é ficarmos a saber que oito músicas uma pessoa escolheria caso ficasse desterrada numa ilha deserta. As respostas tendem a assinalar momentos importantes na vida dos entrevistados. Entre tantos outros, adorei ouvir as respostas da Emma Thompson e achei graça saber mais sobre o percurso da Cath Kidston. A apresentadora é excepcional.

Outro programa de rádio da BBC em que se abordam os mais variados assuntos da actualidade (política, economia, literatura, culinária, cultura popular...) numa perspectiva feminina. Ultra-britânico e bastante thought-provoking... vale mesmo a pena explorar os arquivos. Gostei tanto deste episódio com a falecida Duquesa de Devonshire (uma das irmãs Mitford).

Um podcast sobre costura, moda e têxteis com algumas referências históricas e muitas entrevistas a estrelas do movimento handmade.

O primeiro episódio foi com a Amy Butler, uma pessoa que admiro e respeito muito. São sempre entrevistas com mulheres criativas e com garra.

Um programa inteligente e bem produzido sobre os primeiros tempos de maternidade (e paternidade).

Apesar de todos estes podcasts poderem ser ouvidos no computador, eu gosto de ouvi-los enquanto estou a fazer coisas monótonas (arrumar a cozinha, estender roupa, fazer compras de supermercado, coser à máquina), por isso descarrego-os sempre no telemóvel. Comecei por utilizar a aplicação Podcasts da Apple mas aquilo nunca funcionava como eu queria; depois passei para o Stitcher e não adorei. Agora ouço-os através do Pocket Casts — uma aplicação paga mas que funciona bem. 


[an update on this post]

My love for podcasts has grown over the past year. I find it fascinating to get to know the lives of  many people whom I share so many interests with, and also the lives of people who couldn't be more different from me. I'm entertained, I learn lots of new things, I think about my choices and plan my future. Here's the list of podcasts I've been enjoying lately:

You know Grace Bonney, the founder of Design*Sponge? This is her radio show. Very indie, very current, very North-American.

I'm a huge fan of Abby Glassenberg's because I think she has one of the most intelligent and critical voices in the handmade community. I've been enjoying the variety of guests and the recommendations lists are always super interesting and intriguing.

Elise's blog is one of my favourites. The podcast is fun but you know what I really loved? Her speech at the World Domination Summit.

This is a very American podcast. The guests are quite varied and I don't identify with everything I hear over there but it's nevertheless a good show.

I love hearing about how small creative businesses came to be and how they behave in the current market. I recommend the episodes with Jenny Hart and Abby Glassenberg.

This is a show about the modern quilting movement. There are interviews with fabric designers, authors, bloggers and so on.

This podcast strikes me as more old-school and institutionalised. It's worth it, though, especially when you recognise the name of a particular guest and want to hear what they have to say.

A BBC Radio 4 programme. The presenter (who is brilliant, by the way) asks guests which 8 pieces of music they would take with them in the event of one day getting stuck on a desert island. The answers are so interesting because they tend to point out important moments in the interviewees' lives. Amongst others, I loved listening to Emma Thompson's choices and I enjoyed learning more about Cath Kidston's path.

Another BBC radio show. This one offers a female perspective on the world. All matters are discussed: politics, economy, literature, cookery, popular culture... Utterly British and quite thought-provoking. The archives are really worth exploring. I loved listening to this episode with the late Duchess of Devonshire (one of the Mitford sisters).

A podcast for the sewing, fashion and textile obsessed. Some historic references and interviews with stars of the handmade community.

The first episode was with Amy Butler, a person I admire and respect a lot. Interviews with creative women  who know what they want and aren't afraid to make it happen.

An intelligent, well-produced about the early days of parenthood.

Even though you can listen to all these podcasts on the computer, I like listening to them while I'm doing monotonous tasks (like tidying the kitchen, hanging out the washing, shopping for groceries, sewing on the machine) so I always download them on my phone. I started by using Apple's Podcasts app but it never worked quite the way I wanted so I quickly changed to Stitcher. Unfortunately I didn't love it so I bought the Pocket Casts app — it's not free but it works great. 

05 November 2014

Animal Print





Alguns rapazes vibram com carros, dinossauros ou super-heróis — o Rodrigo é doido por animais. Música preferida? Old MacDonald Had a Farm. Brinquedos e livros preferidos? Animais e quintas. Desenhos animados preferidos? 101 Dálmatas e o Livro da Selva. 

Confesso que nunca fui grande fã de tecidos com bonecadas mas, quando comecei a ver as reacções do Rodrigo sempre que vê um tecido com animais, mudei de ideias. E, como ando numa de fazer almofadas cá para casa (uma desculpa óptima para experimentar várias técnicas de inserção de fechos éclair... depois partilharei as minhas conclusões), lembrei-me de fazer uma almofada nova para o quarto dele. Como seria de esperar, ele ficou todo contente com os animais!

PS. Para fazer a almofada usei um retalho de um tecido de decoração que encontrei há uns anos no Vidal, em Lisboa.


Some little boys love cars, dinosaurs or superheroes — Rodrigo is crazy about animals. Favourite song? Old MacDonald Had a Farm. Favourite books and toys? Everything that relates to animals and farms. Favourite cartoons? 101 Dalmatians and The Jungle Book.

I must say I've never been a huge fan of novelty prints but I'm starting to change my mind, mainly because of Rodrigo's happiness whenever he sees a fabric with animals. Lately I've been making cushion covers for our home (a great way to experiment with different kind of techniques for inserting zips... more on that soon) and Rodrigo's room was no exception. You should have seen his reaction when he saw his new cushion!

PS. The fabric I used to make the cushion was a home décor remnant I found some years ago in Vidal, a fabric shop in Lisbon.

(photos© Constança Cabral)

03 November 2014

Livros Infantis Antigos :: Vintage Children's Books















Ao longo do mês de Outubro fui mostrando no Instagram uma parte da minha colecção de livros infantis antigos. Não lhes consigo resistir: compro-os em lojas de caridade, feiras de velharias e alfarrabistas por menos de nada e delicio-me com os desenhos. O Rodrigo gosta mais de uns do que de outros, o que é normal, mas normalmente acha-lhes muita graça. 

Durante o mês de Novembro vou mostrar no Instagram as flores do meu jardim, uma flor diferente por dia. Encontramos-nos por ?


All through October I shared on Instagram some of my vintage children's books. I can't resist them: I buy them at charity shops, fairs and booksellers for a song because I enjoy the illustrations so much. Rodrigo likes them too, some more than others, and it's fun reading them together.

During the month of November my theme will be what's blooming in my garden. I'm going to post one flower a day — let's meet over there!

(photos© Constança Cabral)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...